Der Fingerhut. A dedaleira.

Para minha surpresa, hoje ao retornar do Tandem Russo-Português, me deparei com uma legítima Digitalis purpurea. Mais conhecida como dedaleira, essa planta é figurinha carimbada nos livros de Farmacognosia e Química de Produtos Naturais, uma vez que dela são extraídos os glicosídeos cardiotônicos, entre eles a digoxina, usados no tratamento de insuficiências cardíacas. Embora hoje em dia já sejam substituídos por drogas mais potentes, continuam sendo usados na terapêutica, e a síntese total das moléculas é inviável, devido à sua complexidade. Desta forma, a extração dos glicosídeos cardiotônicos da dedaleira continua sendo a principal fonte destes fármacos, que apresentam problemas críticos de toxicidade, uma vez que a dose terapêutica é muito próxima da dose tóxica. Ah mas que emoção (rsrs) ver de perto uma Digitalis purpurea!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s